sábado, 5 de dezembro de 2015

É trágico, mas parece piada

O PODER DAS FORÇAS QUE MANTEM BLINDADO O PREFEITO DE PARAUAPEBAS


Valmir é investigado pelo GAECO,
Divino foi afastado - JATENE está
bem representado no Carajás




Para o volume de crimes administrativos, ambientais, econômicos e morais cometidos em Parauapebas, uma simples desapropriação jamais levaria ao afastamento do prefeito Valmir da Integral. Não sei se podemos falar simples e bem mais barato, mas o fato é que a mesma justiça paraense que mantem aqui o Valmir prefeito, afastou por preventivos 180 dias o prefeito de Eldorado dos Carajás, o Divino do Posto. É provocante, porque a justiça local até julga, mas tudo  favorável ao prefeito e seu grupo. Até decisões “estranhas”, mas mantendo a roubalheira, como que elogiando o vicio e o mal feito. Até conceder a antecipação de provas ao grupo ela já concedeu.



 Sol do Carajás:
O prefeito VALMIR DA INTEGRAL, em 19 de dezembro de 2013, fez acordo indenizatório com seu financiador de campanha, HAMILTON RIBEIRO, pagando mais de R$ 15,4 MILHÕES para um terreno que em fevereiro tinha sido comprado por R$ 100 mil. Segundo o próprio processo expropriatório conduzido pelo governo VALMIR DA INTEGRAL.

Nem o prefeito Valmir da Integral acreditou nos laudos do governo dele

Pois bem, o prefeito VALMIR DA INTEGRAL tinha 3 laudos de avaliação realizados pelo seu governo, pelo jeito, nenhum dos laudos mereciam fé. Mesmo assim ele pagou R$ 15,4 MILHÕES pelo terreno.

O JUDICIÁRIO local, na bilionária Parauapebas, autorizou a realização de "uma antecipação de provas", pelo jeito o judiciário local também não acreditou nos laudos do governo VALMIR DA INTEGRAL, pois não fosse isso, qual interesse jurídico que justificaria o tal processo? Provar o que já está provado por 3 laudos constantes no processo expropriatório seria algo "inusual".

Laudo fora do tempo

O laudo é extemporâneo aos fatos, não tem serventia para provar nada, mas ainda se permite isso em Parauapebas, são as regras do "bom direito".

Em ELDORADO DOS CARAJÁS é mais simples, aplica-se a CONSTITUIÇÃO e a LEI DE IMPROBIDADE

Em ELDORADO DOS CARAJÁS a população conta com JUÍZES que atuam de forma imparcial, impessoal, buscando unicamente efetivar as leis e a CONSTITUIÇÃO, lhe acostando a voz da cidadania e da JUSTIÇA, sem arbitrariedades, sempre com zelo pelo verdadeiro ESTADO DEMOCRÁTICO DE DIREITO.